Naiara Azevedo

Naiara Azevedo

Perfume Importado

Álbum: #Naiara Azevedo - Mais Tocadas 23 Plays

Perfume Importado Letra

Começaram a tirar as cadeiras
Tão varrendo debaixo da mesa
O cantor já guardou o violão
Pra lascar minha situação

Pedi a saideira
O garçom acenando, disse que não
Só ficou um cachorro que tava de olho
No meu espetinho de coração

Tô indo embora a pé
Escorando nos muros
Ou eu bebi demais
Ou sacudiram o mundo

Pra acabar de vez
O trem vai piorar
Tudo que eu bebi pra esquecer
Chegar lá em casa eu vou lembrar

Vou lembrar

É hoje que eu entro lá em casa
De luz apagada
Não quero ver nada
Que lembra você

Mas o que os olhos não veem
Está no quarto impregnado
Maldito dia em que eu te dei
Este perfume importado

É hoje que eu entro lá em casa
De luz apagada
Não quero ver nada
Que lembra você

Mas o que os olhos não veem
Está no quarto impregnado
Maldito dia em que eu te dei
Este perfume importado

Ô lasqueira

Tô indo embora a pé
Escorando nos muros
Ou eu bebi demais
Ou sacudiram o mundo

Pra acabar de vez
O trem vai piorar
Tudo que eu bebi pra esquecer
Chegar lá em casa eu vou lembrar

Vou lembrar

É hoje que eu entro lá em casa
De luz apagada
Não quero ver nada
Que lembra você

Mas o que os olhos não veem
Está no quarto impregnado
Maldito dia em que eu te dei
Este perfume importado

É hoje que eu entro lá em casa
De luz apagada
Não quero ver nada
Que lembra você

Mas o que os olhos não veem
Está no quarto impregnado
Maldito dia em que eu te dei
Este perfume importado