Ludmilla

Ludmilla

Cigana (part. Delacruz)

Álbum: #Ludmilla - Mais Tocadas 0 Plays

Letra

Iê, iê, iê
Iê, iê, vamo nessa, iê

Me deixa sem ar, me faz viajar, te arrepiar
Sobe a montanha que no pico você me conquista, vem
Eu sei que vai gostar da vista, ah
Me deixa sem ar, me faz viajar, te arrepiar
Sobe a montanha que no pico você me conquista
Eu sei que vai gostar da vista

Oh, morena, diga quando você vem
Não aguento mais
Preciso matar essa saudade
Não me teste, você sabe do que sou
Eu faço uma loucura, eu vou te convidar pra uma aventura
Algumas coisas o tempo não cura
Você não mensura o bem que você me faz
Cigana, você me olha
E sempre pede pra eu assumir o controle do leme
Me chama pelo nome, prestes a chegar lá
Sempre tem fome, eu tento acompanhar
Na abstinência, eu digo paciência
É tanta energia, nem ciência pode explicar
Me tem como homem
Pretendo levá-la, o mestre-sala dentro do opala azul
Te exibir de norte a sul

Me deixa sem ar, me faz viajar, te arrepiar
Sobe a montanha que no pico você me conquista
Eu sei que vai gostar da vista
Me deixa sem ar, me faz viajar, te arrepiar
Sobe a montanha que no pico você me conquista
Eu sei que vai gostar da vista

Toca o violão e me tem na mão
Manda um adlibs e me faz feliz
Eu sou cigana, insana, primeiro nome é Ana
É ariana das braba que faz loucura na cama (vem, vem, vem), então
É você que eu quero mais
É você que eu gosto, mais
Então me deixa sentir
A minha cara nunca nunca, nunca me deixa mentir

Me deixa sem ar, me faz viajar, te arrepiar
Sobe a montanha que no pico você me conquista
Eu sei que vai gostar da vista
Me deixa sem ar, sem ar, ia, ia, me faz viajar, me faz viajar
Sobe a montanha que no pico você me conquista, vem
Eu sei que vai gostar da vista
Ludmilla
Delacruz

Me deixa sem ar, me faz viajar, te arrepiar
Sobe a montanha que no pico você me conquista, vem
Eu sei que vai gostar da vista
Me deixa sem ar, me faz viajar
Sobe a montanha que no pico você me conquista
Eu sei que vai gostar da vista